Íntegra da Decisão do Agravo do Estado contra a Gratificação

Eis o texto completo do Julgamento do Agravo  de Instrumento que foi interposto pelo Estado de Pernambuco contra a decisão do Juiz Évio Marques que concedeu a gratificação de 20% sobre os proventos dos Aponsentados.

Esta decisão na qual o Estado perdeu e já foi anunciado aqui na nossa home-page, foi publicada no Diário da Justiça de hoje, dia 30 de julho de 2015, concedendo essa gratificação a todos os associados aposentados:

Data de Disponibilização: 29/07/2015
Data de Publicação: 30/07/2015
Jornal: Diário Oficial PERNAMBUCO
Caderno: Tribunal de Justiça
Local: DIRETORIA DE DOCUMENTAÇÃO JUDICIÁRIA  
Página: 00090
Relação No. 2015.12775 de Publicação (Analítica)

004. 0006972-16.2015.8.17.0000 Agravo no Agravo de Instrumento (0389028-4)
Comarca : Recife
Vara : 2ª Vara da Fazenda Publica Agravte : Estado de Pernambuco e outro e outro Procdor : Emmanuel Becker Torres Agravdo : ASSOCIACAO DOS DEFENSORES PUBLICOS DO ESTADO DE PERNAMBUCO – ADEPEPE Advog :JOSE RODRIGUES SILVA JUNIOR (PE008913) Advog : Gabriel Rodrigues Silva (PE032830) Agravte : Estado de Pernambuco Agravte : FUNAPE – FUNDACAO DE APOSENTADORIAS E PENSOES DO ESTADO DE PERNAMBUCO Procdor : Felipe Lemos de Oliveira Maciel Agravdo : ASSOCIACAO DOS DEFENSORES PUBLICOS DO ESTADO DE PERNAMBUCO – ADEPEPE Advog :JOSE RODRIGUES SILVA JUNIOR (PE008913) Advog : Gabriel Rodrigues Silva (PE032830) Orgao Julgador : 1ª Camara de Direito Publico
Relator : Des. Fernando Cerqueira Proc. Orig. : 0006972-16.2015.8.17.0000 (389028-4) Julgado em : 21/07/2015
E M E N T A: DIREITO PROCESSUAL CIVIL E DIREITO ADMINISTRATIVO. PEDIDO DE ATRIBUICAO DO EFEITO SUSPENSIVO A RECURSO DE APELACAO. EXCEPCIONALIDADE. DANO IRREPARAVEL OU DE DIFICIL REPARACAO. NAO CARACTERIZADO. GRATIFICACAO DE REPRESENTACAO JUDICIAL PREVISTA NA LCE Nº 265/14. VANTAGEM CONCEDIDA AOS DEFENSORES PUBLICOS EM ATIVIDADE. NATUREZA GENERICA. EXTENSAO AOS INATIVOS. PARIDADE REMUNERATORIA. RECURSO DE AGRAVO CONHECIDO E IMPROVIDO. DECISAO UNANIME. 1. Nao comprovado o perigo de dano irreparavel ou de dificil reparacao, impossivel a concessao do efeito suspensivo a apelacao da sentenca que, confirmando os termos da tutela antecipada parcialmente deferida, garantiu aos associados no momento do ajuizamento da acao o incremento financeiro decorrente da Lei Complementar Estadual nº. 265/2014. 2. A Gratificacao de Representacao Judicial, instituida pela Lei Complementar Estadual nº 265/14, tem nitido carater geral, na medida em que e devida a todo defensor publico do Estado de Pernambuco no exercicio das funcoes inerentes ao cargo. Por tal razao, seu pagamento deve ser estendido aos defensores publicos inativos titulares do direito a paridade remuneratoria (art. 40, §4º, da redacao originaria da CF/88; e art. 40, §8º, da CF/88 apos as alteracoes introduzidas pela EC nº 20/98). 3. Recurso de agravo conhecido e improvido. Decisao Unanime. ACORDAO Vistos, relatados e discutidos os presentes autos de Recurso de Agravo no Agravo de Instrumento nº 0389028-4, em que figuram como recorrente o ESTADO DE PERNAMBUCO E OUTRO e, como recorrida, a ASSOCIACAO DOS DEFENSORES PUBLICOS DO ESTADO DE PERNAMBUCO – ADEPEPE. Acordam os Desembargadores que integram a 1ª Camara de Direito Publico do Tribunal de Justica de Pernambuco, a unanimidade de votos, em conhecer e negar provimento ao presente Recurso de Agravo, para confirmar a decisao terminativa proferida em todos os seus termos, tudo na conformidade do voto e do relatorio constantes dos autos, que ficam fazendo parte integrante do presente julgado. Recife, 21 de julho de 2015. DES. FERNANDO CERQUEIRA NORBERTO DOS SANTOS RELATOR

Eventos

CONFIRA FOTOS DO HAPPY HOUR DOS ASSOCIADOS!

Aniversariantes do Mês

Aniversariantes de janeiro

Vídeos em Destaque

TV ADEPEPE: São João da ADEPEPE e as lutas da categoria